{{:: 'cloud_flare_always_on_short_message' | i18n }}
Check @genius for updates. We'll have things fixed soon.

3030 4,125

AKA: Brenfa 3030
@3030oficial

About 3030

Rio de Janeiro, Bahia, amizade, determinação, espiritualidade. Brasilidade, ritmo, poesia, muita rima. E da boa. Já de cara (ou não) tudo isso é notório no som da galera do 3030. Formado por Bruno Chelles, Lk e Rod, o grupo despeja nas melodias, batidas e letras uma mescla poderosa de tudo que essas três mentes mais absorveram ao longo dos anos resultando numa sonoridade atual, madura e autêntica.
Ali tem um pouco de Vinicius de Moraes e Doctor Dre. De Jorge Ben Jor e Eminem. Tem um pouco de MV Bill, Black Alien, Marcelo D2, Costa a Costa, O Rappa, Tim Maia, Menor do Chapa. Tem Chico Xavier, amor, tesão, brisa, apreço, Hermes Trismegisto e Ogum. Mas, acima de todas essas influências, há uma visível busca pela originalidade e isso faz a diferença no grupo formado pelos dois cariocas-baianos de Arraial d’Ajuda (Lk e Bruno) e do carioca da gema que sempre passava férias por lá, na terra do seu pai (Rod).
“A gente quer ser lembrado por fazer um som brasileiro, trazendo uma mensagem nova. Uma fórmula diferente de fazer rap”, afirma Lk. “Somos um grupo de rap com música brasileira sem estar preso a nada. Se prestar atenção, a pessoa acha o samba, a bossa nova, black music e muito mais nas nossas faixas. Queremos ir além do segmento do rap, englobando mais e taxando menos”, acrescenta Rod ostentando os números 3030 tatuados no braço.
Uma prova da autenticidade no estilo do 3030 é que a história musical dos três juntos começa em 2009 com um sampler da música “Tarde em Itapuã” de Vinicius de Moraes. Lk teve a ideia de usar aquele som para iniciar a singularidade do grupo. A inovação caiu como luva no violão de Bruno e eles criaram a canção “Como é”. Inscreveram a música no concurso Rap Popular Brasileiro, promovido pela Cufa e por lá chegaram cheios de si, achando que iriam vencer. “ Fomos desclassificados na primeira rodada. Voltamos para casa, tristes no metrô, sem falar nada um com o outro. Achamos que o nome àquela época, Brenfa 3030, nos taxou com um propósito que nunca tivemos e não nos ajudou”, lembra Lk.
Em 2010 a mix tape “Universo adverso” foi uma nova tentativa, mas foi em 2011, já como 3030 e o EP chamado “ De volta ao início” que a primeira canção que viria a fazer sucesso apareceu. “Mundo de Ilusões”, composta por Bruno e Lk é cheia de nuances melódicos, tem a presença de um rap responsa e começou a cair no gosto do público. No ano seguinte, o 3030 lançou propositadamente no 21 de dezembro de 2012, data marcada por Nostradamus para o apocalipse, o primeiro CD: “Quinta dimensão”. “Tentando muitos caminhos para nosso som, acabamos achando um estilo. O violão, o beat, o rap, a parte cantada. Assuntos que pairam e vão além das críticas político-sociais”, defende Rod.
De acordo com os integrantes, a banda que foi formada genuinamente por conta da paixão pela música passou (e passa) por um processo contínuo de amadurecimento à proporção que eles foram amadurecendo e tomando a postura de tentar influenciar o mundo à favor do bem. “Tudo o que a gente quer mudar, a gente faz com nosso som”, simplifica Bruno Chelles.
Grupo audiovisual
Acompanhando uma tendência do mercado atual e ao mesmo tempo sendo precursores em produzir videoclipes de rap brasileiro, o 3030 é um fenômeno no youtube tendo aproximadamente 200 milhões de visualizações dos seus vídeos. Desde as primeiras canções, eles se viravam para gravar. Um segurava a luz enquanto outro fazia a cena. Um roteirizava e outro editava. Hoje, com a evolução da banda, uma equipe especializada produz os clipes dos caras e os resultados têm agradado os fãs e o público em geral. Foi através dos clipes internacionais que o 3030 se apaixonou pelo rap e hoje eles ganham muita gente misturando seus versos às cenas.
Quem não conhece o som do 3030, vale à pena escutar sem preconceitos. Sem subestimar o rap e muito menos achar que não cabe MPB dentro desse ritmo. E quem já conhece, se envolve e vai ser sempre fiel à ideologia musicada de Bruno, Lk e Rod. Os caras só querem curtir e expandir a onda do bem com muita rima. E da boa.
Por Jorge Velloso

Shot on Watermark on Photo - Like Shot On one plus v4.3 APK Cracked | Power Rangers Dino Thunder | EUR 3,99