{{:: 'cloud_flare_always_on_short_message' | i18n }}
Check @genius for updates. We'll have things fixed soon.

Mãolee

AKA: Mãoli Tudubom and Henrique MãoLee

About Mãolee

Mãolee costuma dizer que não é de Laranjeiras, é da Cardoso. E é exatamente na Rua Cardoso Júnior que fica a quadra do Cardosão, onde o Henrique começou a virar o Mãolee. A diversidade musical do DJ e beatmaker carioca é proporcional à quantidade de degraus da escadaria da Cardoso. Ao mesmo tempo que se tornou percussionista dos blocos Cardosão de Laranjeiras e Xupa, Mas Não Baba, o botafoguense começou a frequentar os bailes funk e charme do Rio. Nessa época, os fones do Mãolee tinham lugar cativo para J Dilla, Racionais MC’s, Dr. Dre, Marcelo D2, Fundo de Quintal e Zeca Pagodinho. A relação com o rap se concretizou quando ele criou, com Filipe Ret (ex-parceiro do projeto Numa Margem Distante) e Daniel Shadow, a Tudubom Records.
Mãolee produziu os discos “Revel” e “Vivaz” (Filipe Ret), e “Tudo ou Nada” (Daniel Shadow). Os beats dele também podem ser encontrados em músicas dos grupos Cartel MC’s, Start e Oriente, e dos rappers Pedro Ratão, Kayuá e Ramonzin. Em 2013, Mãolee fez um remake do álbum “When Love is New”, do cantor americano de soul Billy Paul, lançado originalmente em 1975.

No segundo semestre de 2016, ele criou uma série de remixes de trap, incluindo versões para músicas dos MC’s Maneirinho e Brinquedo, e do Péricles, ex-Exaltasamba.

Em 2017 Mãolee começou a trabalhar na gravação do seu disco de estreia, que viria a ser lançado em 31 de agosto de 2018, com participações de diversas figuras da música nacional.

Fry's first 100 Phrases | NCIS : Enquêtes spéciales | language teaching